cinemascope

Luzes da cidade
como no filme de Chaplin
apontadas pra você
numa indescritível arte

minha vontade é te ver
somente pra te dizer
que és um caso à parte.

A um passo da eternidade
o cruzar de dois amores
é por causa de você
que estou tão feliz hoje

minha vontade é dizer
que quero mesmo é te ver
em cinemascope

Duras para Resnais
os ladrões de Pickpocket
não há eu sem ter você
como western sem John Ford

minha vontade é dizer
que és o mar cotelê
de Amarcord

Tão azul a liberdade
holofotes flutuantes
apontados pra você
na linha do horizonte

minha vontade é te ver
dizendo “eu amo você”
em cinemascope.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: